Saiba como prevenir incêndios em condomínios

You are here:--Saiba como prevenir incêndios em condomínios

Saiba como prevenir incêndios em condomínios

O verão ainda está longe mas o calor já começou a dar as caras, e para conseguir suportar a temperatura, o uso de ventiladores e ar-condicionados é indispensável. Mas o uso incorreto desses aparelhos podem trazer um grande problema: o risco de incêndios em residências. Por isso, cuidados considerados simples podem prevenir graves acidentes.

Em condomínios, itens básicos de segurança devem ser cumpridos a risca, como extintores, saídas de emergências, iluminações e sinalizações. Tudo isso deve estar presente em novas e antigas construções.

As exigências, normas de segurança, mudam de acordo com cada tipo de construção, mas alguns procedimentos se aplicam a grande parte delas. No caso de extintores por exemplo, é estipulado que se atenda as três classes de incêndio em cada pavimento – além do extintor estar com prazo de validade em dia (manutenção a cada 12 meses).

Também é exigido o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), que é um documento onde consta a regularização de todos os itens de segurança indispensáveis em um condomínio.

O engenheiro de produção, Rodrigo Tagliette da Silva, explica que essa documentação exigida pelos Bombeiros e órgãos públicos é obrigatória para condomínios e empresas e auxilia na segurança dos ocupantes.

“No Brasil, não faz parte da cultura da população a preocupação com a segurança contra incêndios. Infelizmente a maioria da população só regulariza os imóveis através de notificações ou multas. Se as pessoas se conscientizassem do risco que um princípio de incêndio pode causar, elas tomariam uma atitude preventiva com a adequação e manutenção do local evitando danos materiais e pessoais. Mas em condomínios, a exigência dessa documentação em dia e toda manutenção dos itens de segurança é indispensável e contribui para a proteção do local”, explica Rodrigo.

Fonte: Diário da Região

By |2018-10-02T13:18:25+00:00setembro 25th, 2018|Categories: Condominios|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário